Pelecanus

Colômbia Itinerário de viagem 20 dias

Colombia Travel Map

Atualizado em 25/01/2024

Caro leitor
Meu nome é Frank e dirijo uma agência de viagens em Bogotá, Colômbia. Divirta-se enquanto lê!

No final deste itinerário, encontrará mais itinerários para a Colômbia com diferentes durações e também diferentes destinos na Colômbia.

Somos uma agência de viagens em Bogotá, Colômbia, especializada em viagens personalizadas e mais do que feliz em organizar a sua viagem, contacte-nos hoje.

Resumo da viagem à Colômbia

Dia 1 – Bogotá
Dia 2 – Bogotá – Leticia
Dia
3 – Leticia – Puerto Narino
Dia
4 – Puerto Narino
Dia 5 – Puerto Narino
Dia
6 – Puerto Narino – Leticia – Bogotá – Caldas
Dia 7 – Caldas
Dia 8 – Caldas – Nevado del Ruiz – Caldas
Dia 9 – Caldas
Dia 10 – Caldas – Riohacha
Dia
11 – Riohacha – Cabo de la Vela
Dia
12 – Cabo de la Vela – Punta Gallinas
Dia 13 – Punta Gallinas – Mayapo
Dia 14 – Mayapo – Santa Marta
Dia 15 – Santa Marta – Parque Tayrona – Santa Marta
Dia 16 – Santa Marta – Taironaka – Santa Marta
Dia 17 – Santa Marta – Rincon del Mar
Dia 18 – Rincon del Mar
Dia 19 – Rincon del Mar
Dia 20 – Rincon del Mar – Partida 

Locais/Cidades planeados 

Bogotá 

Bogotá é a capital da Colômbia e tem mais de 10 milhões de habitantes. É o centro político, económico, cultural e turístico da Colômbia, sendo responsável pela maior parte do PIB nacional. É a terceira capital mais alta da América do Sul, pois fica a mais de 2.600 metros acima do nível do mar. Com temperaturas médias de 7°C – 20°C, o clima varia entre frio e temperado. Bogotá tem uma área de 1.775 km2, que é mais do dobro do tamanho de Singapura. Foi fundada em 1.538 pelos espanhóis, mas já era habitada pelos pré-muiscas. A maior parte das atracções turísticas situa-se no centro histórico “La Candelaria”. A ampla oferta cultural da cidade, representada por museus, teatros e bibliotecas, deu-lhe o nome de “Atenas sul-americana”. Alguns lugares importantes para visitar em Bogotá são o Mosteiro de Monserrate, os Museus do Ouro e Botero, os mercados de alimentos “Paloquemao” e “La Perseverancia”. 

Guatavita 

O município de Guatavita – Cundinamarca a 53 km a nordeste de Bogotá é reconhecido por ter dado origem à lenda mais representativa da Colômbia, uma das mais importantes do mundo e Património Cultural da Nação “A história da Lenda do El Dorado”. É a capital religiosa, cultural e ancestral do povo Muisca. Em Guatavita existe “Guatavita a Origem da Lenda”, uma área de 13,8 ha, constituída por um centro histórico de elevado valor patrimonial e um polígono de desenvolvimento cultural e turístico nas margens da barragem de Tominé. 

Zipaquirá 

Zipaquirá é uma cidade histórica e encantadora situada no departamento de Cundinamarca, na Colômbia, a cerca de 49 quilómetros a norte de Bogotá, a capital. Esta encantadora cidade é famosa pela sua imponente catedral subterrânea de sal e pela arquitetura colonial bem preservada. 

A Catedral de Sal é a principal atração de Zipaquirá e uma maravilha da engenharia e da fé. Esculpida dentro dos túneis de uma mina de sal, a catedral é um santuário subterrâneo com impressionantes esculturas de sal, obras de arte religiosas e uma atmosfera etérea. É um importante local de peregrinação e uma obra-prima da arquitetura colombiana. 

O centro histórico de Zipaquirá apresenta edifícios coloniais bem preservados, ruas de paralelepípedos e praças encantadoras. Os visitantes podem passear pelas ruas pitorescas da cidade e admirar a sua arquitetura colonial, incluindo a praça principal, a Plaza de los Comuneros. 

Para além da sua herança colonial, Zipaquirá tem sítios arqueológicos pré-colombianos, como a antiga povoação muisca de El Abra, que oferece uma visão da história indígena da região. 

Amazonas 

O Departamento do Amazonas é uma das regiões mais remotas e menos povoadas da Colômbia, localizada na parte mais a sul do país. Como o seu nome sugere, o departamento é predominantemente coberto pela vasta Floresta Amazónica, o que o torna uma área biodiversa e ecologicamente significativa. Aqui está uma visão geral do departamento colombiano do Amazonas: 

O Amazonas é caracterizado por suas densas florestas tropicais, selvas exuberantes e rios sinuosos. O departamento faz parte da grande Bacia Amazónica, uma das regiões com maior biodiversidade do mundo. A área abriga uma incrível variedade de espécies vegetais e animais, incluindo espécies raras e ameaçadas de extinção, como onças-pintadas, botos-cor-de-rosa e várias espécies de macacos. 

O Amazonas é habitado por comunidades indígenas, incluindo os Ticuna, Yucuna, Huitoto e outros, cada um com suas culturas, línguas e tradições distintas. Estes grupos indígenas têm vivido em harmonia com a floresta tropical durante gerações e desempenham um papel crucial na preservação do património cultural e dos recursos naturais da região. 

Devido à sua localização remota e ao terreno difícil, o Amazonas tem infra-estruturas e ligações de transporte limitadas. O acesso a muitas áreas do departamento é feito principalmente por barco ao longo do rio Amazonas e seus afluentes. A falta de estradas extensas e de desenvolvimento urbano contribui para a preservação do ambiente natural intocado. 

A capital do Amazonas é Letícia, uma cidade pequena e vibrante situada ao longo do rio Amazonas. Letícia serve como porta de entrada para o departamento e é o principal ponto de entrada para os viajantes que chegam por via aérea ou fluvial. 

Letícia 

Letícia é uma cidade vibrante e culturalmente diversificada, localizada no extremo sul da Colômbia, no departamento do Amazonas. Situada nas margens do rio Amazonas, Letícia é a porta de entrada da Colômbia para a floresta amazónica e serve como o único porto do país no rio Amazonas. 

Letícia está rodeada pela vasta e biodiversa floresta tropical da Amazónia, uma das regiões mais importantes do ponto de vista ecológico na Terra. A localização da cidade oferece aos visitantes uma oportunidade única de explorar a beleza natural deslumbrante da Amazónia e a sua abundante vida selvagem. 

Letícia fica na zona da tríplice fronteira, onde a Colômbia faz fronteira com o Brasil e o Peru. Esta localização estratégica permite aos visitantes experimentar uma mistura de culturas e tradições colombianas, brasileiras e peruanas. 

A região em torno de Letícia é o lar de várias comunidades indígenas, incluindo os povos Huitoto, Bora e Tikuna. Os viajantes podem aprender sobre as suas culturas antigas, tradições e práticas sustentáveis através de visitas guiadas e intercâmbios culturais. 

Puerto Narino 

Puerto Nariño é uma aldeia única e encantadora situada na floresta amazónica da Colômbia. Situado ao longo das margens do rio Amazonas e rodeado por uma selva exuberante, Puerto Nariño é conhecido pelo seu compromisso com práticas sustentáveis e ecológicas, o que o torna um modelo exemplar de ecoturismo. 

Puerto Nariño está situado na vasta e biodiversa floresta amazónica, uma das regiões mais importantes do ponto de vista ecológico na Terra. A localização remota da aldeia oferece aos visitantes a oportunidade de mergulharem na beleza e nas maravilhas naturais da selva. 

A comunidade de Puerto Nariño dedica-se ao ecoturismo e às práticas sustentáveis. A aldeia restringe a utilização de veículos motorizados para reduzir as emissões de carbono e a poluição, promovendo as deslocações a pé e de bicicleta como principais meios de transporte. 

A área em torno de Puerto Nariño é o lar de comunidades indígenas, incluindo o povo Ticuna. Os visitantes têm a oportunidade de aprender sobre a sua cultura e tradições ancestrais através de visitas guiadas e intercâmbios culturais. 

Os habitantes de Puerto Nariño participam ativamente em iniciativas comunitárias que visam proteger o ambiente e apoiar o turismo sustentável. Os esforços da comunidade ganharam reconhecimento e elogios tanto a nível nacional como internacional. 

A região em torno de Puerto Nariño inclui várias reservas indígenas e áreas protegidas, contribuindo para a conservação do ecossistema único da Amazónia. 

Puerto Nariño oferece um ambiente tranquilo e remoto, proporcionando a oportunidade de se desligar da vida moderna e experimentar a tranquilidade da floresta tropical. 

Triângulo do café da Colômbia 

O Triângulo Cafeeiro da Colômbia, também conhecido como Região Cafeeira ou Zona Cafetera, é uma área pitoresca e culturalmente rica localizada na parte central da Colômbia. É composto por três departamentos: Caldas, Quindío e Risaralda, e abrange numerosas cidades encantadoras e paisagens exuberantes. 

O Triângulo do Café é conhecido pela sua produção de café de classe mundial e é uma das principais regiões produtoras de café a nível mundial. O cultivo do café está profundamente enraizado na cultura e na história da região, e os solos vulcânicos férteis e o clima ideal da área criam as condições perfeitas para o cultivo de grãos de café de alta qualidade. 

O Triângulo do Café apresenta paisagens de cortar a respiração, com colinas ondulantes, vales verde-esmeralda e pitorescas cadeias de montanhas. A área é adornada com vibrantes plantações de café, fazendas de flores coloridas e florestas de nuvens, proporcionando vistas deslumbrantes a cada esquina. 

A região é pontilhada por encantadoras cidades e aldeias coloniais, cada uma com o seu carácter único e charme arquitetónico. Cidades como Salento, Filandia e Manizales apresentam edifícios de estilo colonial bem preservados, ruas de paralelepípedos e fachadas coloridas, o que contribui para o fascínio da região. 

Caldas 

Caldas é um departamento localizado na região centro-oeste da Colômbia, cujo nome vem de Francisco José de Caldas, um proeminente cientista e filósofo colombiano. Com as suas diversas paisagens, o seu rico património cultural e o seu significado histórico, Caldas oferece aos visitantes uma mistura de beleza natural e experiências culturais. 

Manizales, a capital de Caldas, é conhecida pela sua localização no meio da Cordilheira dos Andes e pelas suas vistas deslumbrantes sobre os vales circundantes. A cidade tem um centro urbano vibrante, com uma mistura de arquitetura colonial e moderna. 

Caldas faz parte do famoso Triângulo do Café da Colômbia, e o departamento é o lar de várias plantações de café. Os visitantes podem explorar as quintas de café, aprender sobre o processo de fabrico do café e provar o café colombiano de alta qualidade. 

Uma parte do Parque Natural Nacional Los Nevados situa-se nas Caldas. Esta área protegida é caracterizada por picos cobertos de neve, glaciares e diversos ecossistemas, atraindo entusiastas da natureza e caminhantes. 

Caldas possui várias fontes termais naturais, proporcionando oportunidades de relaxamento e rejuvenescimento. As fontes termais são conhecidas pelas suas propriedades terapêuticas. 

Ao longo do ano, Caldas acolhe vários festivais culturais, celebrando as tradições, a música e a dança. A “Feria de Manizales” é um dos eventos mais famosos, com touradas, concertos e desfiles. 

O departamento é o lar de cidades pitorescas, como Salamina e Filadelfia, que exibem uma arquitetura colonial e um encanto tradicional. 

Aguadas é uma cidade colorida nas Caldas, reconhecida pelos seus edifícios coloniais bem preservados e pelo artesanato. 

Nevado del Ruiz 

O Nevado del Ruiz é um majestoso estratovulcão localizado na Cordilheira dos Andes, na Colômbia. Situado a uma altitude de aproximadamente 5.321 metros, é um dos vulcões mais altos e mais activos do país. O vulcão faz parte do Parque Nacional Natural Los Nevados e está rodeado por paisagens deslumbrantes e diversos ecossistemas. 

O Nevado del Ruiz tem uma história de atividade vulcânica significativa, com erupções que remontam aos tempos pré-históricos. A erupção mais devastadora ocorreu em 1985, quando uma erupção despoletou um enorme fluxo de lama (lahar) que resultou na trágica tragédia de Armero, causando milhares de mortos. 

O cume do vulcão é coberto por glaciares e neve, criando uma paisagem deslumbrante e dramática. No entanto, devido às alterações climáticas e à atividade vulcânica, os glaciares têm vindo a recuar nos últimos anos. 

As encostas do Nevado del Ruiz são caracterizadas por diversos ecossistemas, incluindo o paramo, a floresta andina e os prados de altitude. Estes ecossistemas albergam uma grande variedade de espécies vegetais e animais, algumas das quais são endémicas dos Andes. 

O vulcão atrai caminhantes e montanhistas que procuram aventuras desafiantes. A subida ao Nevado del Ruiz requer uma preparação adequada e os alpinistas partem frequentemente da cidade vizinha de Manizales. 

Dada a sua natureza ativa, o Nevado del Ruiz é monitorizado de perto por instituições científicas para melhor compreender os processos vulcânicos e mitigar potenciais riscos para as comunidades vizinhas. 

O Nevado del Ruiz faz parte do Parque Natural Nacional Los Nevados, uma área protegida conhecida pelas suas diversas paisagens, lagos de altitude e flora e fauna únicas. 

O vulcão tem importância cultural para as comunidades indígenas que vivem na região circundante. É considerado um local sagrado por alguns grupos indígenas locais. 

Tendo em conta a sua atividade vulcânica e os riscos potenciais que representa, estão em vigor medidas de segurança e planos de contingência para proteger as populações próximas de potenciais erupções. 

La Guajira 

La Guajira é uma região única e cativante situada na parte mais setentrional da Colômbia. É uma península que faz fronteira com o Mar das Caraíbas a norte e com a Venezuela a leste. Conhecida pelas suas paisagens deslumbrantes, rica cultura indígena e ambiente desértico distinto, La Guajira oferece uma experiência única aos viajantes. 

La Guajira é famosa pelas suas paisagens desérticas de outro mundo, particularmente na região mais a norte, conhecida como “La Alta Guajira”. Aqui, encontrará vastas dunas de areia, formações rochosas únicas e planícies áridas que criam um cenário hipnotizante. 

Punta Gallinas é o ponto mais setentrional da América do Sul e um destino obrigatório em La Guajira. Esta área remota e isolada possui dunas de areia impressionantes, águas azul-turquesa e uma vista deslumbrante do ponto de encontro entre o Mar das Caraíbas e o Golfo da Venezuela. 

O povo indígena Wayuu é o principal habitante de La Guajira, mantendo as suas tradições culturais, língua e vestuário distintos. Os visitantes têm a oportunidade de conhecer o seu rico património, o seu artesanato e a sua estrutura social única. 

La Guajira é um paraíso para os observadores de aves e entusiastas da natureza. A região é o lar de várias espécies de aves, incluindo flamingos e pelicanos, bem como de diversos animais selvagens, como iguanas e tartarugas marinhas. 

Uma visita às tradicionais rancherías (povoações) Wayuu oferece um vislumbre da vida quotidiana e dos costumes das comunidades indígenas. Os viajantes podem testemunhar as suas estruturas habitacionais únicas chamadas “chinchurros” e experimentar a sua calorosa hospitalidade. 

Grande parte de La Guajira permanece fora dos caminhos habituais, oferecendo uma sensação de aventura e exploração. O afastamento da região e as paisagens indomadas criam uma sensação de estar num mundo próprio. 

Riohacha 

Riohacha é uma cidade costeira localizada no departamento de La Guajira, na Colômbia. Situada ao longo do Mar das Caraíbas, Riohacha é conhecida pelas suas belas praias, cena cultural vibrante e significado histórico. 

Riohacha possui praias deslumbrantes ao longo da costa das Caraíbas. Os visitantes podem desfrutar das águas mornas, das areias macias e dos pitorescos pores-do-sol, tornando-a um destino ideal para os amantes da praia e para quem procura o sol. 

O Malecón da cidade, ou passeio marítimo, é um local popular tanto para os habitantes locais como para os turistas. É um local agradável para passear, apreciar a vista do oceano e desfrutar da brisa costeira. A zona portuária também está repleta de atividade, reflectindo a indústria marítima e piscatória da cidade. 

Tal como o resto de La Guajira, Riohacha é o lar da comunidade indígena Wayuu. Os visitantes podem conhecer a sua cultura vibrante, saborear a cozinha tradicional e comprar artesanato Wayuu intrincadamente tecido. 

A cidade possui alguns marcos históricos, incluindo a Catedral de Nuestra Señora de los Remedios, uma catedral de estilo colonial com uma fachada icónica azul e branca. A Praça Almirante Padilla é também um ponto de encontro central e oferece um vislumbre do passado da cidade. 

Cabo de la Vela 

O Cabo de la Vela é um destino remoto e encantador situado na costa norte da Colômbia, no departamento de La Guajira. Esta pitoresca península desértica é conhecida pelas suas paisagens deslumbrantes, pela cultura indígena Wayuu e pelas suas praias tranquilas. 

O Cabo de la Vela é caracterizado pelas suas paisagens desérticas únicas, com dunas de areia ondulantes, falésias escarpadas e praias imaculadas ao longo do Mar das Caraíbas. O cenário árido cria um ambiente hipnotizante e de outro mundo. 

Os ventos fortes e consistentes do Cabo de la Vela tornam-no num destino popular para os entusiastas do kitesurf. As condições de vento favoráveis da praia atraem tanto principiantes como kitesurfers experientes de todo o mundo. 

Um dos marcos emblemáticos do Cabo de la Vela é o Pilon de Azúcar, uma colina em forma de pão de açúcar que oferece vistas panorâmicas do deserto e da costa circundantes. O monte é um local popular para ver o pôr do sol sobre o Mar das Caraíbas. 

O Cabo de la Vela está localizado no coração do território indígena Wayuu. Os viajantes podem conhecer a cultura Wayuu, visitar as suas rancherías (povoações) e aprender sobre as suas tradições, artesanato e modo de vida. 

Os visitantes podem experimentar a simplicidade do campismo de praia no Cabo de la Vela, dormindo em redes tradicionais fornecidas pelos habitantes locais. O acampamento com rede permite aos viajantes ligarem-se à natureza e desfrutarem do ambiente sereno. 

A região é rica em arte rupestre antiga, com pictogramas e petróglifos encontrados em vários locais. Estes sítios arqueológicos fornecem informações sobre a história e a espiritualidade das comunidades indígenas. 

A localização remota do Cabo de la Vela e a ausência de poluição luminosa fazem dele um destino ideal para a observação de estrelas. Em noites claras, os visitantes podem testemunhar o brilho do céu noturno e as suas inúmeras estrelas. 

Punta Gallinas 

Punta Gallinas é um destino remoto e cativante localizado no departamento de La Guajira, na Colômbia. Situada no ponto mais setentrional da América do Sul, Punta Gallinas oferece uma paisagem única e intocada, caracterizada pelas suas vastas planícies desérticas, praias imaculadas e falésias costeiras deslumbrantes. 

Punta Gallinas é conhecida pelos seus extremos geográficos. É o ponto mais setentrional da Colômbia e da América do Sul, o que a torna um destino com um sentido de aventura e descoberta. 

A região faz parte do deserto de Guajira, uma paisagem árida cativante caracterizada por dunas de areia, cactos e formações rochosas. A beleza acidentada do deserto oferece um forte contraste com as águas azuis do Mar das Caraíbas. 

Punta Gallinas é o território tradicional do povo indígena Wayuu. Os visitantes têm a oportunidade de conhecer a sua cultura, tradições e artesanato únicos. 

A beleza paisagística da zona é inigualável, com vistas deslumbrantes do Mar das Caraíbas e da imensidão do deserto. Os pores-do-sol e o céu estrelado são particularmente encantadores. 

Punta Gallinas é relativamente isolada e menos visitada em comparação com outros destinos turísticos na Colômbia. Para chegar a Punta Gallinas é necessário um veículo 4×4 ou uma visita guiada devido ao terreno acidentado. 

A região é pontilhada por praias isoladas e intocadas, oferecendo um ambiente tranquilo para relaxar e passear na praia. As falésias costeiras proporcionam pontos de vista deslumbrantes para admirar o encontro entre o mar e o deserto. 

O Farol El Faro, situado num penhasco com vista para o Mar das Caraíbas, oferece vistas panorâmicas dos arredores e serve de ponto de referência em Punta Gallinas. 

As lagoas e zonas húmidas da área são o lar de várias espécies de aves, incluindo flamingos. Os observadores de aves têm a oportunidade de ver estas belas criaturas no seu habitat natural. 

Santa Marta 

Santa Marta é a capital do departamento de Magdalena e está localizada na costa das Caraíbas, a apenas 5 metros acima do nível do mar. Por isso, as temperaturas aqui variam entre 21°C e 33°C. A cidade estende-se por uma grande área e é ladeada por montanhas de diferentes lados. A imediata Sierra Nevada de Santa Marta é maioritariamente habitada por comunidades indígenas e não só atinge o ponto mais alto da Colômbia com o Pico Cristóbal Colón – a uma altura de 5.700 metros – como também é a montanha costeira mais alta do mundo. Santa Marta é o ponto de partida perfeito para muitas actividades de lazer e férias. Ao longo da costa a leste, encontra-se o Parque Nacional Tayrona, o mais famoso parque nacional da Colômbia. Há também praias maravilhosas. Outro destaque é a Cidade Perdida escondida na Serra, que pode ser visitada numa caminhada de 4 dias. 

Parque Natural Nacional Tayrona 

O Parque Nacional Natural Tayrona, muitas vezes referido apenas como “Parque Tayrona”, é uma área protegida localizada ao longo da costa caribenha da Colômbia. Situado na parte norte do país, o parque é conhecido por suas paisagens costeiras deslumbrantes, ecossistemas biodiversos e significado cultural como a terra ancestral do povo indígena Tayrona. 

O Parque Tayrona é famoso pela sua beleza natural de cortar a respiração. Abrange uma gama diversificada de paisagens, incluindo praias imaculadas, florestas tropicais exuberantes, montanhas escarpadas e rios cristalinos. A rica biodiversidade do parque é o lar de uma grande variedade de flora e fauna, tornando-o um paraíso para os entusiastas da natureza e amantes da vida selvagem. 

O parque é famoso pelas suas praias deslumbrantes de areia branca e águas azul-turquesa. Algumas das praias mais populares incluem Cabo San Juan, La Piscina, Arrecifes e Playa Cristal. Os visitantes podem relaxar nas praias, nadar no Mar das Caraíbas ou fazer snorkeling para explorar o vibrante mundo subaquático. 

O parque tem uma importância cultural significativa como terra ancestral do povo indígena Tayrona, que habitou a região durante séculos. Várias comunidades indígenas ainda residem no parque, mantendo as suas tradições, língua e ligação à terra. 

Dentro dos limites do parque, existem vários sítios arqueológicos que testemunham a antiga civilização Tayrona. Alguns desses sítios incluem terraços antigos, áreas cerimoniais e cemitérios, oferecendo uma visão da história e da cultura dos povos indígenas que outrora prosperaram na área. 

Taironaka 

Taironaka é um eco-hotel mas também um museu ao ar livre com diferentes actividades oferecidas. A arquitetura deste eco-hotel são casas circulares com base de pedra, erguidas em madeira e cobertas por folhas de palmeira, semelhantes às encontradas, as mesmas que, de acordo com o seu tamanho, localização e peculiaridades construtivas, mostraram que eram um local talvez destinado a cerimónias religiosas e confirmaram que se tratava de um povoado de índios Tairona. 

Rincon del Mar 

Rincón del Mar é uma encantadora aldeia costeira situada na região norte da Colômbia, na costa das Caraíbas. Situada no Departamento de Sucre, esta joia escondida oferece um paraíso sereno e intocado para os viajantes que procuram uma escapadela de praia descontraída. 

Rincón del Mar é abençoado com uma beleza natural de cortar a respiração. As suas praias possuem areia branca e macia e águas cristalinas, tornando-a um destino ideal para nadar, apanhar sol e praticar desportos aquáticos. A atmosfera tranquila da aldeia permite aos visitantes descontrair e escapar à azáfama da vida citadina. 

Uma das características mais marcantes de Rincón del Mar é o carácter acolhedor e simpático dos seus habitantes. A aldeia conseguiu preservar o seu autêntico encanto colombiano, e os visitantes têm frequentemente a oportunidade de mergulhar na cultura local. A música, a dança e a cozinha tradicionais são predominantes, oferecendo uma amostra do verdadeiro espírito das Caraíbas. 

A localização do Rincón del Mar é ideal para explorar as atracções das proximidades. Os visitantes podem embarcar numa emocionante aventura de visita às ilhas, sendo o Arquipélago de San Bernardo um destino popular. 

Para os entusiastas da natureza, Rincón del Mar oferece amplas oportunidades para o eco-turismo e actividades ao ar livre. As florestas de mangue e as lagoas circundantes criam um ecossistema único, perfeito para a observação de aves, passeios de caiaque e caminhadas pela natureza. 

Itinerário Detalhado

Dia 1: Bogotá 

Chegada a Bogotá

O seu transporte será recolhido no aeroporto de Bogotá e conduzido ao seu hotel. 

O guia bilingue estará à sua espera à saída do aeroporto. 

Experiência cacaueira

Hoje vai mergulhar no mundo do cacau. Num workshop de 90 minutos, localizado perto de El Chorro de Quevedo, terá uma experiência sensorial de cacau 100% colombiano. O cacau é cultivado há anos e graças aos produtores de diferentes regiões da Colômbia, o cacau conseguiu ressurgir como uma alternativa e diversificação de produtos agrícolas. O cacau colombiano é reconhecido mundialmente como o cacau mais cheiroso do mundo. 

Alojamento

Aqui encontrará as melhores recomendações de hotéis em Bogotá. 

Dia 2: Bogotá – Letícia 

Dia de viagem

Viajará de Bogotá para Leticia. 

Meio dia de visita ao Parque Mundo Amazónico

Será recolhido no aeroporto pelo seu guia e motorista que o levará diretamente ao Parque Ecológico Mundo Amazónico, uma reserva natural e centro de educação ambiental perto de Leticia, onde encontrará um restaurante com comida típica local, que também visitará: 

  • O jardim botânico: verá a maior coleção de plantas amazónicas do departamento. 
  • A Casa de Chá da Amazónia: Aprenderá sobre plantas e frutos nativos utilizados em sistemas de desenvolvimento sustentável e aprenderá sobre educação ambiental. 
  • Cenários culturais: Divertir-se com actividades de tiro com arco e flecha. 
  • Aquário: Conheça o mundo aquático com uma grande variedade de peixes e piranhas. 
  • Trilho da selva: Percorrerá um trilho natural na companhia do seu guia que lhe ensinará os usos e as tradições das plantas e dos animais mais representativos da região. 

Jantar na Amazónia

À noite, terá uma mesa reservada no restaurante Tierras Amazonicas. Aqui pode comer especialidades locais como Piranha, Pirarucu, Mojojoy e muito mais. 

Dia 3: Letícia – Puerto Narino 

Dia de viagem

Viajará de Leticia para Puerto Narino. 

Excursão de meio dia a Puerto Narino

O seu guia irá buscá-lo ao hotel e levá-lo-á num transporte fluvial até à comunidade de San Antonio Peru (a ilha do cacau). Atravessando o imenso rio Amazonas para chegar ao nosso destino, aqui observaremos preguiças, variedades de pássaros, plantas medicinais, madeira, a vitória-régia, a flor de lótus e um passeio pela comunidade. 

Em seguida, irá para o segundo destino com um transfer fluvial para a segunda maior zona húmida da Colômbia, o mágico Lago Tarapoto, com uma extensa biodiversidade de flora e fauna, onde desfrutará de uma experiência única e inesquecível, e desenvolverá actividades como a observação de golfinhos cor-de-rosa, golfinhos cinzentos, pesca de piranhas, visita à árvore da fertilidade e chamada de comunicação (capinuri), culminando o dia com um refrescante mergulho no lago sob um belo pôr do sol. 

Dia 4: Puerto Narino 

Excursão de dia inteiro a Puerto Narino

Depois do pequeno-almoço, o seu guia irá buscá-lo ao hotel e apanhará um transporte fluvial para San Martin. 

San Martin é uma comunidade da etnia Ticuna, no rio Amacayacu, um afluente do Amazonas e fronteira do Parque Nacional Amacayacu. Fundada em 1972 e com uma população de mais de 500 habitantes, a sua economia baseia-se na agricultura e na pesca. Nos últimos anos, o fabrico de artesanato e o turismo ganharam importância. 

As comunidades indígenas da etnia Tikuna vivem em harmonia com a natureza de forma simples e harmoniosa, com o necessário. Poderá aproximar-se da comunidade e ver uma perspetiva de vida diferente das cidades, onde um olhar e um sorriso nos transportam para um mundo onde o amor e a simplicidade ainda são possíveis. 

Passará uma manhã em que viverá as seguintes experiências: 

  • Visitar os campos e as plantações. 
  • Passeio na floresta para observar a vida selvagem. 
  • Saiba como eles usam os materiais da floresta para fazer artesanato, roupas, bolsas e muito mais. 

Depois do almoço, visita à reserva de Woachine. A reserva é uma enorme quinta de um senhor onde existem vários lagos com plantas aquáticas e enormes nenúfares (Flor de Vitória). Há também fauna local como jacarés, tartarugas, macacos, pássaros, plantas medicinais e plantas madeireiras. Chegaremos a um pequeno lago onde se pode observar o maior peixe de água doce chamado pirarucu, terminaremos o passeio com a observação da maior árvore da Colômbia. 

Dia 5: Puerto Narino 

Dia livre

Se precisar de alguma recomendação, teremos todo o gosto em ajudá-lo. 

Dia 6: Puerto Narino – Bogotá – Caldas 

Dia de viagem

A viagem de Puerto Narino para Caldas. 

Dia 7: Caldas 

Excursão de meio dia ao café

Esta fazenda de café perto de Manizales tem vastos campos de café e pitorescas árvores nativas e nascentes de água. Aqui, mergulhará na paisagem e na cultura do café colombiano, apreciando o processo desde a semente até à colheita através de um passeio a pé pelas plantações. Conhecerá a origem, a história, as diferentes variedades e qualidades do café, bem como identificará os aromas e as características do café. Terá a oportunidade de provar e ver os grãos com diferentes graus de torrefação para experimentar os diferentes aromas, uma vez que a torrefação faz sobressair o aroma e o sabor que estão encerrados no interior dos grãos de café. 

Dia 8: Caldas 

Caminhada de dia inteiro no Nevado Ruiz

Será recolhido por um motorista até ao Parque Nacional Los Nevados, a cerca de duas horas do hotel. À chegada, será acompanhado durante a excursão por um guia local, que o levará a 4 paragens onde lhe explicará os ecossistemas que irá encontrar. Para o ajudar a adaptar-se à altitude e ao clima, ser-lhe-á dada uma chávena de chá de coca quente para o ajudar a evitar o mal de altitude. Finalmente, depois de visitar a área mística em redor do Parque Nacional Los Nevados e de desfrutar de um delicioso almoço, chegará às termas de Tierra Viva para tomar um banho de água quente, onde também pode encontrar 10 espécies de colibris que visitam os comedouros instalados no jardim principal. 

Dia 9: Caldas 

Transfer para Nido del Condor

O hotel recebe-o no seu hotel e leva-o até ao hotel Nido del Condor. 

Dia 10: Caldas – Riohacha 

Dia de viagem

Hoje viajará de Caldas para Riohacha. 

Meio dia de visita à cidade de Riohacha

Depois do almoço, o seu guia irá buscá-lo ao seu hotel e visitará os locais mais importantes de Riohacha. 

Dia 11: Riohacha – Cabo de la Vela 

Dia de viagem

Hoje viajará de Riohacha para o Cabo de la Vela. 

Excursão de meio dia ao Cabo de la Vela

Após a chegada, visitará o ponto do arco-íris. Os ventos fortes que se fazem sentir causam também grandes ondulações na costa. As marés que colidem com a costa e a água que reflecte o sol provocam este fenómeno ótico e meteorológico. O local seguinte é o monte Pilão de Açúcar, onde se pode subir ao monte e apreciar a paisagem. Cuidado, as pedras soltas são por vezes difíceis de subir. A praia mesmo ao lado também é óptima para se deixar levar pelas marés fortes. Depois, a excursão leva-o de volta ao seu hotel em Cabo de la Vela. 

Dia 12: Cabo de la Vela – Punta Gallinas 

Dia de viagem para Punta Gallinas

Depois do pequeno-almoço, o motorista e o guia levam-nos até à zona da alta guajira, onde podemos apreciar as paisagens únicas da Baía de Portete e da Bahia Honda. No caminho, visitaremos a Rancheria Pusheo, onde desfrutaremos de um almoço típico, preparado por mulheres Wayuu (tribo indígena local). Após a paragem, seguirá para as belas dunas e praias de Taroa, provavelmente a praia mais impressionante de toda a Colômbia. No final do dia, poderá desfrutar de um espetacular pôr do sol no farol de Punta Gallinas e dirigir-se à sua posada (alojamento). 

Dia 13: Punta Gallinas – Mayapo 

Dia de viagem para Mayapo

Após o pequeno-almoço, será levado de barco até à praia de La Boquita, situada entre Punta Soldado e Punta Aguja. Depois deste passeio de barco de 20 minutos, a excursão continuará por terra no vosso 4×4. A seu pedido, poderá sempre parar para tirar fotografias espectaculares. Em seguida, regresso ao hotel em Punta Gallinas para o pequeno-almoço e seguir diretamente para o hotel em Mayapo, no caminho fará uma paragem para apreciar o deserto e a bela vista geral. 

Dia 14: Mayapo – Santa Marta 

Dia de viagem para Santa Marta

Após o pequeno-almoço, viagem até Santa Marta. 

Alojamento

Aqui encontrará as melhores recomendações de hotéis na Colômbia. 

Excursão de meio dia à cidade de Santa Marta

No City Tour de Santa Marta desfrutará de um emocionante passeio de aproximadamente 3 horas pela baía mais bonita da América, no qual visitará os seguintes lugares: La Quinta de San Pedro Alejandrino, o Centro Histórico de Santa Marta, declarado Monumento Nacional em 1963; o Monumento que homenageia a estrela do futebol nativo da Pérola da América, Carlos “El Pibe” Valderrama, e Taganga, uma típica vila de pescadores. No Museu do Ouro pode apreciar a exposição do Museu Antropológico e Etnológico da Cultura Tayrona, as suas crenças, mitologias, artesanato e peças de ourivesaria estão expostas neste local, para conhecer e explorar o legado da cultura milenar dos Tayrona. 

Dia 15: Santa Marta – Parque Tayrona – Santa Marta 

Dia inteiro no Parque Tayrona

O hotel recolhe-o no hotel e leva-o até Taganga, onde iniciará uma incrível aventura no Parque Tayrona, situado no sopé da Serra Nevada de Santa Marta, a apenas 30 minutos de Santa Marta. À chegada, apanharemos um barco para um dos locais mais movimentados do parque, o Cabo San Juan. Aqui terá tempo livre para aproveitar a melhor opção do parque para nadar, fazer caminhadas e, claro, relaxar numa rede. À tarde, caminharemos até a entrada do parque, aproximadamente 3 horas. Lá será apanhado por um motorista para chegar ao seu hotel. 

Dia 16: Santa Marta – Taironaka – Santa Marta 

Excursão de dia inteiro a Taironaka e ao rio Don Diego

O seu guia irá buscá-lo para fazer a sua excursão de dia inteiro. Na reserva natural de Taironaka, localizada no km 58 da estrada que leva a Riohacha, é possível ver a importância cultural e histórica da cultura Tayrona. Há terraços restaurados onde os indígenas construíam suas casas e um museu arqueológico com artefatos originais. A área é de grande importância para os Koguis, descendentes diretos dos Tayrona. Uma das actividades mais divertidas em Taironaka é a descida do rio Don Diego. 

Dia 17: Santa Marta – Rincon del Mar 

Dia de viagem

Hoje viajará de Los Naranjos para Rincon del Mar, na costa das Caraíbas. 

Dia 18: Rincon del Mar 

Dia livre

Pode desfrutar das belas praias ou optar por outras actividades, consoante o seu gosto. 

Dia 19: Rincon del Mar 

Dia livre

Pode desfrutar das belas praias ou optar por outras actividades, consoante o seu gosto. 

Dia 20: Rincon del Mar – Partida 

Partida

Hoje é o último dia da sua viagem. Dependendo da hora do seu voo, um carro irá buscá-lo ao seu hotel e levá-lo-á ao aeroporto.

Mapa de viagem

Colombia Travel Map
Pelecanus SAS

Informações muito importantes que você deve saber ao visitar a Colômbia

Guia de viagem Bogotá, Colômbia

Dicas de viagem ao visitar a Colômbia

Recomendações médicas para viajantes na Colômbia

Descrição geral do clima na Colômbia

Itinerários de viagem na Colômbia

Colômbia Itinerário de viagem 1 dia

Colômbia Itinerário de viagem 2 dias

Colômbia Itinerário de viagem 3 dias

Colômbia Itinerário de viagem 4 dias

Colômbia Itinerário de viagem 5 dias

Colômbia Itinerário de viagem 6 dias

Colômbia Itinerário de viagem 7 dias

Colômbia Itinerário de viagem 8 dias

Colômbia Itinerário de viagem 9 dias

Colômbia Itinerário de viagem 10 dias

Colômbia Itinerário de viagem 11 dias

Colômbia Itinerário de viagem 12 dias

Colômbia Itinerário de viagem 13 dias

Colômbia Itinerário de viagem 14 dias

Colômbia Itinerário de viagem 15 dias

Colômbia Itinerário de viagem 16 dias

Colômbia Itinerário de viagem 17 dias

Colômbia Itinerário de viagem 18 dias

Colômbia Itinerário de viagem 19 dias

Colômbia Itinerário de viagem 20 dias

Colômbia Itinerário de viagem 21 dias

Colômbia Itinerário de viagem 22 dias

Colômbia Itinerário de viagem 23 dias

Colômbia Itinerário de viagem 24 dias

Colômbia Itinerário de viagem 25 dias

Colômbia Itinerário de viagem 26 dias

Colômbia Itinerário de viagem 27 dias

Colômbia Itinerário de viagem 28 dias

Colômbia Itinerário de viagem 29 dias

Colômbia Itinerário de viagem 30 dias

Itinerários de viagem em Bogota Colômbia

Bogotá, Colômbia Itinerário de viagem de 1 dia

Bogotá, Colômbia Itinerário de viagem de 2 dias

Bogotá, Colômbia Itinerário de viagem de 3 dias

Bogotá, Colômbia Itinerário de viagem de 4 dias

Bogotá, Colômbia Itinerário de viagem de 5 dias

Bogotá, Colômbia Itinerário de viagem de 6 dias

Bogotá, Colômbia Itinerário de viagem de 7 dias

Itinerários de viagem em Medellin Colômbia

Medellin, Colômbia Itinerário de viagem de 1 dia

Medellín, Colômbia Itinerário de viagem de 2 dias

Medellín, Colômbia Itinerário de viagem de 3 dias

Medellín, Colômbia Itinerário de viagem de 4 dias

Medellín, Colômbia Itinerário de viagem de 5 dias

Medellín, Colômbia Itinerário de viagem de 6 dias

Medellín, Colômbia Itinerário de viagem de 7 dias

Itinerários de viagem em Cartagena Colômbia

Cartagena Colômbia Itinerário de viagem de 1 dia

Cartagena, Colômbia Itinerário de viagem de 2 dias

Cartagena, Colômbia Itinerário de viagem de 3 dias

Cartagena, Colômbia Itinerário de viagem de 4 dias

Cartagena, Colômbia Itinerário de viagem de 5 dias

Cartagena, Colômbia Itinerário de viagem de 6 dias

Cartagena, Colômbia Itinerário de viagem de 7 dias

Itinerários de viagem no Eixo Cafeeiro da Colômbia

Triângulo do Café Colômbia Itinerário de viagem de 1 dia

Triângulo do Café Colômbia Itinerário de viagem de 2 dias

Triângulo do Café Colômbia Itinerário de viagem de 3 dias

Triângulo do Café Colômbia Itinerário de viagem de 4 dias

Triângulo do Café Colômbia Itinerário de viagem de 5 dias

Triângulo do Café Colômbia Itinerário de viagem de 6 dias

Triângulo do Café Colômbia Itinerário de viagem de 7 dias

Itinerários de viagem em Santa Marta Colômbia

Santa Marta Colômbia Itinerário de viagem de 1 dia

Santa Marta Colômbia Itinerário de viagem de 2 dias

Santa Marta Colômbia Itinerário de viagem de 3 dias

Santa Marta Colômbia Itinerário de viagem de 4 dias

Santa Marta Colômbia Itinerário de viagem de 5 dias

Santa Marta Colômbia Itinerário de viagem de 6 dias

Santa Marta Colômbia Itinerário de viagem de 7 dias

Itinerários de viagem em Cali Colômbia

Cali Colômbia Itinerário de viagem de 1 dia

Cali Colômbia Itinerário de viagem de 2 dias

Cali Colômbia Itinerário de viagem de 3 dias

Cali Colômbia Itinerário de viagem de 4 dias

Cali Colômbia Itinerário de viagem de 5 dias

Cali Colômbia Itinerário de viagem de 6 dias

Cali Colômbia Itinerário de viagem de 7 dias

Search

About Author

Frank

Frank

Olá, eu sou Frank Spitzer, o fundador e o coração por trás da Pelecanus, uma operadora de turismo especializada em viagens na Colômbia. Meu percurso em viagens é amplo — já viajei para mais de 60 países, absorvendo culturas, experiências e histórias. Desde 2017, tenho usado essa riqueza global de experiência para criar experiências de viagem inesquecíveis na Colômbia.Sou reconhecido como uma das principais autoridades em turismo colombiano e tenho uma profunda paixão por compartilhar esse belo país com o mundo. Você pode ver um pouco das minhas aventuras de viagem e percepções sobre a Colômbia no meu canal do YouTube. Também sou ativo em plataformas de mídias sociais, como TikTok, Facebook, Instagram e Pinterest, onde compartilho a cultura vibrante e as paisagens deslumbrantes da Colômbia.Para fazer contatos profissionais, fique à vontade para se conectar comigo no LinkedIn. Junte-se a mim nesta incrível jornada e vamos explorar as maravilhas da Colômbia juntos!

youtube Facebook Instagram Pinterest Tiktok